Suspeita de sonegação de R$ 2 bi impede vendas de refrigerantes

suspeita-de-sonegao-de-r-2-bi-impede-vendas-de-refrigerantes
Suspeita de sonegação de R$ 2 bi impede vendas de refrigerantes
Sob suspeita de fraude, Dolly deve R$ 1,8 bi

A suspeita de sonegação de R$ 2 bilhões de impostos pelo grupo fabricante do refrigerante Dolly impede que as sedes da empresa em Tatuí (SP) e Diadema (SP) possam vender mercadorias, afirmou a Secretaria da Fazenda do Estado nesta sexta-feira 

A Secretaria da Fazenda de SP deflagrou nesta quinta-feira, 18, a Operação Clone, que apura fraudes no pagamento do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) pelo grupo Ragi Refrigerantes, dono da marca Dolly. O grupo é acusado

A Ragi Refrigerantes, fabricante das bebidas da marca Dolly, está sendo investigada por inadimplência fraudulenta do ICMS, embaraço de fiscalização e organização de fraude fiscal estruturada. postado 19/05/2017 13:01:09 – 418 acessos. A Ragi


Fabrica de refrigerante é investigada por fraude no ICMS

A Secretaria da Fazenda de São Paulo deflagrou, na manhã desta quinta-feira (18) uma operação contra a Ragi Refrigerantes, fabricante das bebidas da marca Dolly. O grupo é suspeito de inadimplência fraudulenta de ICMS, embaraço de fiscalização e. A companhia teve em dezembro do ano passado a Inscrição Estadual cassada e teria retomado as atividades em situação irregular. Há 1 hora. Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins. Agentes da Secretaria da Fazenda de São Paulo


Fabricante do Dolly é investigada por fraude no ICMS e inadimplência

Inspetores da Secretaria da Fazenda de São Paulo realizaram uma operação, batizada de Clone, contra o grupo Dolly por suspeita de fraude no recolhimento do Imposto sobre Circulação de Mercadoria e Serviços (ICMS). PUB. De acordo com a Secretaria,


A Fabricante dos Refrigerantes Dolly é investigada por fraude

A secretaria da Fazenda de São Paulo deflagrou nesta quinta-feira a Operação Clone, contra a empresa Ragi Refrigerantes, fabricante dos refrigerantes da marca Dolly. A companhia é suspeita de inadimplência fraudulenta no pagamento de ICMS.


Grupo fabricante do refrigerante Dolly é acusado de sonegar R$ 2 bi em ICMS

Para evitar o fechamento das empresas que produzem e comercializam os refrigerantes e sucos da marca Dolly, débitos tributários de R$ 1,8 bilhão precisam ser pagos, disse ao Valor a subprocuradora geral do Estado de São Paulo, Maria Lia Porto


Fabricante de bebida Dolly é alvo de operação que apura fraude no ICMS

Sob suspeita de fraude, Dolly deve R$ 1,8 bi
Sob suspeita de fraude, Dolly deve R$ 1,8 bi

Deflagrada na manhã da última quinta-feira (18), a Operação Clone, da Polícia Federal (PF), tem como alvo o grupo Ragi Refrigerantes, que fabrica os produtos da marca Dolly. A empresa sofre acusações de inadimplência fraudulenta do ICMS,. Agentes da Secretaria da Fazenda de São Paulo verificaram seis unidades da fábrica de bebidas Dolly ontem pela Operação Clone, que investiga irregularidades no ICMS. O grupo estaria com R$ 2 bilhões em débito já inscritos na dívida ativa e não tem. SÃO PAULO – (Atualizada às 19h25) A fabricante de bebidas Dolly é a alvo da Operação Clone, que investiga “inadimplência fraudulenta do ICMS e embaraço de fiscalização”. A operação é coordenada pela Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo. . A empresa responsável pela fabricação dos refrigerantes da marca Dolly, a Ragi Refrigerantes, é alvo da chamada "Operação Clone", realizada pela Secretaria da Fazenda de São Paulo. Empresas do grupo estão sendo investigadas por sonegação de. Segundo delegado regional tributário, documentos apreendidos apresentam irregularidades no cálculo de impostos. Empresa ainda não comentou o caso. Facebook · Twitter. Por G1 Itapetininga e região. 18/05/2017 12h53 Atualizado há 9 horas.


Secretaria da Fazenda apreende documentos por suspeita de fraude na fábrica da Dolly em Tatuí

A fabricante do refrigerante Dolly é alvo nesta quinta-feira, 18, de uma operação que investiga fraudes relacionadas ao pagamento de impostos. Segundo a Secretaria da Fazenda de São Paulo, a Operação Clone mira empresas "de um grande grupo do


Fabricante da Dolly é alvo de operação por inadimplência e fraude no ICMS

A secretaria da Fazenda de São Paulo deflagrou nesta quinta-feira a Operação Clone, contra a empresa Ragi Refrigerantes, fabricante de bebidas da marca Dolly. A empresa tem dívida de R$ 2 bilhões em ICMS com o Estado de São Paulo. Entre as

Fabrica de refrigerante é investigada por fraude no ICMS
Fabrica de refrigerante é investigada por fraude no ICMS

São Paulo – A Ragi Refrigerantes, fabricante das bebidas da marca Dolly, estão sendo investigadas por sonegação de impostos. A empresa é alvo da Operação Clone, da Secretaria da Fazenda de São Paulo. As empresas do grupo “são suspeitas de

Related posts