A eleição na França traz possibilidades impossíveis

a-eleio-na-frana-traz-possibilidades-impossveis
A eleição na França traz possibilidades impossíveis
Candidatos das presidenciais francesas lançam suas últimas cartas

Se não houver surpresas, Emmanuel Macron e Marine Le Pen serão os candidatos mais votados do primeiro turno no domingo 23, não obrigatoriamente nessa ordem, e o primeiro vencerá a segunda com folga em 7 de maio, dia do segundo turno.

Socialistas e direita quase fora do páreo, outsiders na liderança das pesquisas, eleitores apáticos e indecisos: a eleição presidencial francesa nunca foi tão imprevisível e inusitada. Frankreich Wahlkampfplakate in Paris (picture-alliance/abaca/A. Alain).

Washington, 20 abr (EFE).- O ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama conversou nesta quinta-feira por telefone com o candidato presidencial francês Emmanuel Macron para falar sobre "as importantes eleições" que acontecem neste domingo na

Conheça os programas eleitorais dos candidatos à presidência francesa
Conheça os programas eleitorais dos candidatos à presidência francesa

Onze candidatos – nove homens e duas mulheres – disputarão as eleições presidenciais na França para substituir o socialista François Hollande no comando de uma das principais economias da Europa. Seguem os perfis dos cinco aspirantes com mais

Para o filósofo e escritor Robert Redeker, o vencedor da eleição presidencial será o centrista Emmanuel Macron. No entanto, o líder do movimento Em Marcha! “decepcionará porque quer agradar a todos”. Mais: “Ele não saberá administrar a raiva coletiva”


Obama fala com Macron sobre "as importantes eleições" na França

Pela primeira vez em uma eleição presidencial francesa, dois candidatos extremistas e populistas têm grandes chances de chegar ao segundo turno, neste que é o pleito mais imprevisível e marcado por reviravoltas da história recente do país. Em questão

Paris, 20 Abr 2017 (AFP) – O fantasma de Moscou paira sobre as eleições francesas, meses depois das presidenciais americanas, com acusações de ingerência do Kremlin e a vontade declarada de alguns candidatos de "retomar" uma relação estreita com

(Reuters) – O candidato de centro à Presidência da França, Emmanuel Macron, continua na liderança das pesquisas, com 23 por cento das intenções de voto, para o primeiro turno das eleições de domingo, enquanto sua adversária de extrema-direita,. Ninguém se importa, ninguém parece preocupar-se. Pelo menos na aparência. Votar domingo 23 de abril, na primeira volta da eleição presidencial francesa, é uma verdadeira dor, dor tão aguda como a causada pela fratura de um membro ou de uma


Veja quem são os franceses que votam em Marine Le Pen

Pesquisas eleitorais na França divulgadas entre ontem e hoje mostram que o candidato centrista, Emannuel Macron, ganhou uma leve vantagem ante a candidata de extrema-direita da Frente Nacional, Marine Le Pen. O levantamento do OpinionWay. A líder de extrema direita Marine Le Pen, que perde força nas pesquisas, reforçou seu discurso sobre imigração e segurança na reta final da campanha presidencial francesa. Le Pen, que alcançou em novembro cerca de 30% das intenções de voto para o. "Não somos racistas, mas este é nosso país", afirmam, sob o sol da Côte d'Azur francesa, tradicional reduto da extrema direita, os partidários de Marine Le Pen, que convocam um "grande fervor patriótico" para a eleição presidencial de maio. "Desta vez

PARIS (Reuters) – O candidato de centro Emmanuel Macron continua como favorito para vencer a eleição presidencial da França, segundo pesquisa divulgada nesta quarta-feira, embora o levantamento tenha mostrado que o primeiro turno da votação do

Related posts